quinta-feira, 28 de maio de 2015

Supermercados no Luxemburgo vs compra mensal

Auchan
Cactus
Delhaize
Cora
Match
Aldi
Lidl
♢...
são só alguns dos mais conhecidos supermercados onde se pode realizar a compra mensal (ou diária,  ou semanal, conforme o critério de cada um) aqui no Luxemburgo.
São cadeias de supermercados comuns, umas maiores que outras, mas onde se pode encontrar os bens essenciais e até outros mais supérfluos para o dia-a-dia. De referir também que uns mais baratos que outros refletindo-se a poupança, por vezes, na qualidade dos produtos.

Seja como for, embora nuns seja uns produtos mais baratos em relação a outros, e dêmos as voltas que dermos não nos livramos de um cabaz de compras  bem mais caro que em Espanha (não posso fazer comparações com Portugal, pois não compro lá pelo menos há 9/10anos). Da mesma maneira que não posso dizer se os produtos portugueses são mais baratos cá do que em Portugal,  como afirma muita gente.


Deixo esta foto com alguns exemplos de produtos portugueses cá e respectivos preços para julgarem por vocês próprios.

De uma maneira geral, os preços não oscilam muito entre os países, (relembro que falo de Espanha nomeadamente Madrid )  sempre e quando não falamos de produtos chave que são eles:
●carne ( preço médio 16€kg)
●peixe (preço médio 20€kg)
●fruta (preço médio 3/4€kg)
●legumes (preço médio 3€kg)
●ovos (1,5€ meia duzia)
●fiambre (preço médio 15€kg)

Também de referir que nem tudo é assim tão linear. Em alguns supermercados é comum encontrar muito boas promoções em quase todos os produtos. À parte de que sempre existem os produtos de marca branca com preços bastante convidativos. Mas lá está.  Depende dos produtos. Porque às vezes a qualidade fica muito, mas mesmo muito aquém....



Mas convenhamos. É normal. Também a média salarial cá é bem mais alta que em Espanha e Portugal.

Seja como for, fica aqui um pequeno alerta/conhecimento para aqueles que estão a pensar neste país, Luxemburgo, como um futuro anfitrião.


Fontes:
Texto e Fotos : Sandra Pereira


sexta-feira, 15 de maio de 2015

Restaurante em Flash: La Belle Pierre, Luxembourg

E o restaurante de hoje é:

La Belle Pierre (clicar para ser redireccionado para a página oficial)

Tipo/Especialidade do restaurante: Português, Italiano e Francês 
Ambiente: Calmo
Serviço: Top.🔝🔝
Decoração: Moderna
Comida: Top. 🔝🔝
Preço: Medio (25€/35€ pax)

Foto by Sandra Pereira 


Foto La Belle Pierre


Lembrete da origem deste post😊
""É um facto que  adoro comer. E se puder ser num bom restaurante, melhor.
E é que aqui, neste país de ar medieval, nem tudo é mau. Tem, ao contrário,  muitas coisas maravilhosas.
E uma delas são os restaurantes. Boa comida na mesa.
Poderia simplesmente chegar aqui e colocar uma extensa e longa lista de óptimos restaurantes luxemburgueses. Deixem-me corrigir: restaurantes afiliados no Luxemburgo.
Sim, porque o marido já fez um roteiro, nao completo, mas muito extenso e variado. Mas não. Primeiro porque não seria a minha lista. E depois porque não seria a mesma coisa. Refiro-me à opinião crítica.  A minha opinião.  O que o marido gosta eu posso não aprovar....

E restaurantes afiliados no Luxemburgo porquê?
Porque salvo excepção, que os há, todos os que frequentei até ao momento e de todos os que ouço falar maravilhas são de várias nacionalidades, mas poucos ou nenhuns Luxemburgueses .""


Fontes :
Texto e Foto : SandraPereira e google images

terça-feira, 12 de maio de 2015

Amsterdam, uma viagem plena😊

E é que regressar é tão difícil.
Custa mesmo. Já seja de avião ou de carro. De noite ou de dia. E é porque nós temos alguém que nos espera ansiosamente. E porque até sabe bem regressar à nossa acolhedora casa. Mas custa regressar. Custa sempre.
Mas também já tinhamos saudades de casa. E da nossa babydog Nara. Assim que, aquando da chegada oficialmente dita a alegria e o alívio são imensos. Home Sweet Home 💕.

E foi assim, com esta última viagem, que gastei as minhas prendas do Natal passado (2014) todas. Paris em Fevereiro (sim, repeti. Adoro Paris e o marido sabe disso) e agora Amesterdão.


E que dizer?
A D O R E I💜

Uma cidade totalmente Versátil. Não há ponto de comparação que se ajuste...
Única.
Vanguardista, antiga e moderna tudo in1.
Romântica também.
Turisticamente na sua maioria jovem. Com um ambiente difícil de igualar e sentir noutra cidade qualquer (falo em relação ao que já vi).

Vanguardista e moderna nos seus ideais e modo de viver e encarar a vida.
Ecológica. Nunca tinha visto estacionamentos assim tão não poluentes e super organizados. Não falo de dezenas, nem de centenas. Mas sim de milhares. Milhares de bicicletas.  De todos os feitios, cores e tamanhos. Mais modernas ou mais vintages. Mas milhares delas.
Tráfico? Sim, muito. Mas todo (na sua maioria) ele de 2 rodas. A palavra ideal é GIRO. Achei muito giro. E divertido. (Talvez porque apanhámos bom tempo e sol durante a nossa estadia. Se tivesse chovido se calhar teria outra opinião a respeito. ..) mas a verdade é que achei mesmo muita graça ao tema das bicicletas. Não por elas em si, mas sim porque este é de facto o meio de transporte dos holandeses, pelo menos em Amesterdão. E é que há verdadeiras bicicletas equipadíssimas capazes de custar tanto como um carro usado.
Cesto de transporte de compras, banco de condutor e cadeirinhas das crianças.  À frente e atrás. Tapa chuva. É esta a descrição de uma bicicleta equipadíssima. E o hábito faz o monge deve ser mesmo assim tal qual, dado que vi crianças a dormir na sua respectiva cadeira enquanto o pai pedalava que nem um louco pelas ruas saltimbancas  de Amesterdão.


Liberal. Nada como um cofee shop** para passar um momento de relaxamento  (ou não).
**cofee shop: café onde o consumo da droga marihuana, Cannabis é livre e permitido. Pode ser consumida em forma de charro (cigarro), chá, pipa ou biscoitos. Curiosamente e contraditóriamente não se pode fumar tabaco dentro. E na maioria das cofee shop não se vende álcool!!
Red Light District 
Outra das características liberais que caracterizam esta cidade é a prostituição legal. Em Amsterdão à semelhança de outras tantas cidades holandesas, a prostituição é uma actividade legal.
The Red Light District é o bairro/rua mais conhecida mundialmente, pela sua fama. Aqui as mulheres alugam uma montra na qual trabalham contribuindo com os seus impostos como qualquer outro trabalhador holandês.
Sim. Elas estão lá, expostas, bailando/movimentado-se ou não, em lingerie, umas mais cuidadas e bonitas que outras...mas estão lá.  E embora todos saibamos qual o desfecho final desta exposição,  o certo é que esta rua é um dos ícones  principais de Amsterdão sendo esta uma das ruas mais movimentadas e visitadas pelos turistas.

Romântica 
É difícil não sentir esta faceta desta simpática cidade quando estamos rodeados de centenas de pontes com ar convidativo a parar, olhar a água que corre no canal, apreciar o movimento cheio de vida no mesmo e dar e receber miminhos do nosso amor.
E para apreciar ainda melhor, os canais, a cidade em si, e um pouco da vida e do dia-a-dia dos habitantes desta cidade nada melhor do que os percorrermos numa simpática e bastante interactiva viagem de barco. Fizemos e Adorámos. Um outro ponto de vista desta cidade, sem qualquer dúvida. Uma das curiosidades mais giras, engraçadas e "interactivas" neste passeio de barco que fizemos, foi o contacto um pouco mais próximo com algumas das quase 2500 casas flutuantes que existem no canal, das quais algumas sem cortinas sendo que se vê um pouco de tudo o que os habitantes estão fazendo nesse momento (nós por exemplo, vimos um senhor que achou por bem despir -se e vestir-se sem qualquer protecção dos olhares alheios  (os nossos)).

Museu Ann Frank




Destaco entre outras praças e locais a praça Dam, a Liedsestraat e a praça Museum Plein (onde estão a maioria dos museus e as famosas letras I amsterdam ). Para quem quer ir de compras, comércio é coisa que não falta!! São km e km de ruas cheias de lojas.




Amsterdão é sem sombra de dúvida uma das cidades a colocar na lista das cidades a visitar. Na minha lista fica riscada a amarelo=cidade a revisitar😊😊.



Fica ainda muito por dizer...
Talvez para a proxima visita😊

Obrigada ao meu amado marido e ao meu tesouro mais precioso por esta oportunidade Feliz.

Fontes :
Texto e Fotos : Sandra Pereira

domingo, 3 de maio de 2015

Restaurante em Flash: Porta Nova, Luxembourg

É um facto que  adoro comer. E se puder ser num bom restaurante, melhor.
E é que aqui, neste país de ar medieval, nem tudo é mau. Tem, ao contrário,  muitas coisas maravilhosas.
E uma delas são os restaurantes. Boa comida na mesa.
Poderia simplesmente chegar aqui e colocar uma extensa e longa lista de óptimos restaurantes luxemburgueses. Deixem-me corrigir: restaurantes afiliados no Luxemburgo.
Sim, porque o marido já fez um roteiro, nao completo, mas muito extenso e variado. Mas não. Primeiro porque não seria a minha lista. E depois porque não seria a mesma coisa. Refiro-me à opinião crítica.  A minha opinião.  O que o marido gosta eu posso não aprovar....

restaurantes afiliados no Luxemburgo porquê?
Porque salvo excepção, que os há, todos os que frequentei até ao momento e de todos os que ouço falar maravilhas são de várias nacionalidades, mas poucos ou nenhuns Luxemburgueses .

E o restaurante de hoje é:

Porta Nova (clicar para ser redireccionado para a página oficial)

Tipo/Especialidade do restaurante: Italiano
Ambiente: Alegre e com música (calma) ao vivo
Serviço: 4 estrelas ( vou acreditar que se não estiverem lotados e com filas de gente para comer, sejam melhores e mais dedicados profissionais neste ponto)
Decoração: Top.🔝🔝 Moderna
Comida: Top. 🔝🔝🔝
Preço: Medio ( 20€ / 30€ pax)

Entrada do restaurante. Bonito piano. Foto by Sandra Pereira

Foto Porta Nova

Fontes :
Texto e Foto : SandraPereira e google images

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...