quarta-feira, 26 de setembro de 2012

Adotar ou não o nome do marido???

Uma das dúvidas que surge nas nossas vidas, enquanto mulheres solteiras a ponto de nos encontrarmos casadas, (eu pelo menos nunca me tinha deparado a pensar no assunto, e confesso também que não perdi tempo a pensar! ) é se devemos ou não mudar o nome após o casamento.
 
Antigamente, adicionar o sobrenome do marido era uma prática comum e inclusive obrigatória por lei, mas agora não é bem assim...

A decisão de escolher entre acrescentar ou não o nome do marido ao nosso, para muitas de nós parece ser uma tarefa super dificil, pois não queremos magoar ninguém, principalmente o nosso amado!!

Há quem coloque, há quem não coloque...

Eu não adotei.
É uma maneira de me sentir EU, sem renunciar á minha identidade própria e individualidade.
  1. Não é que um nome me mude, porém para qué mais um nome???
  2. Toda a vida fui Sandra Pereira, para qué passar a ser Sandra Murcela??
  3. E para qué adotar mais um nome para depois assinar Sandra Pereira??
(Não percamos tempo em/com burocracias!)

Adotar o nome do meu marido, não significa que goste mais ou menos dele, não significa que seja mais ou menos importante a minha existência, não significa que o respeite mais ou menos, assim como também não significa que renuncie a uma nova família , bem como não significa renunciar á minha sempre familia e existencialidade.

Para todos até á data de casamento sempre fui Sandra Pereira e para todos hei-de continuar a ser Sandra Pereira.
Para todos desde que faço parte da vida do meu marido, sou conhecida como Sandra a namorada do Zé Manel...pois assim hei-de continuar a ser.

Mas a minha identidade própria, essa fará parte, sempre, da minha vida.

Que um dia não adote o nome do meu marido???
Não sei...porém hoje tenho a certeza que isso para mim não é minimamente importante, nem me vai fazer sentir mais feliz, mais mulher ou mais importante do que aquilo que já sou, sinto e vivo!

Somos a feliz família Pereira & Murcela há anos e assim continuaremos.

Boas decisões!

Fontes:
Texto e fotos: Sandra Pereira
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...